Ensino Bíblico

Jacó – Um exemplo de mudança de vida

Nesse artigo aprenderemos um pouco sobre a família de Jacó e sua transformação.

Aproveitamos o conhecimento Divino já no primeiro versículo que fala sobre a origem de Esaú e Jacó: “Isaque orou ao Senhor em favor de sua mulher, porque era estéril. O Senhor respon­deu à sua oração, e Rebeca, sua mulher, engra­vidou.” (Gênesis 25:21) Quantas vezes você que é homem orou a Deus a favor da sua esposa pedindo que um sonho dela se realizasse?

Mas essa não era uma família perfeita, os meninos já disputavam quem seria o melhor desde o ventre da sua mãe. (Gênesis 25:22) Ao perguntar a Deus o motivo, a resposta foi: “E o Senhor lhe disse: Duas nações há no teu ventre, e dois povos se dividirão das tuas entranhas, e um povo será mais forte do que o outro povo, e o maior servirá ao menor.” (Gênesis 25:23) E os pais tinham os seus preferidos: “Isaque preferia Esaú, porque gostava de comer de suas caças; Rebeca preferia Jacó.” (Gênesis 25:28) Esaú tinha o privilégio de ser o mais velho, mas Jacó desejava reverter essa vantagem. É o que acontece na leitura de Gênesis 25:34 “Então Jacó serviu a Esaú pão com enso­pado de lenti­lhas. Ele comeu e bebeu, levantou-se e se foi. Assim, Esaú desprezou o seu direito de filho mais velho.” Em seguida no capítulo 27 veremos que Jacó com o apoio de sua mãe rouba a bênção que seria do seu irmão causando a ira do mesmo.

Na fuga se dará o início da mudança de Jacó, ele vai ter seu primeiro encontro com Deus (Gênesis 28:10-17) e conhecerá Raquel (Gênesis 29:10) e por amor a ela trabalhará quatorze anos para, enfim, poderem se casar. (Gênesis 29:18-28) O tempo vai passar e a transformação Divina na vida de Jacó vai se concretizar com algo tão simples de falar mas difícil de colocar em prática: a reconciliação com o seu irmão “Mas Esaú correu ao encontro de Jacó e abraçou-se ao seu pescoço, e o beijou. E eles choraram.” (Gênesis 33:4)

Com todos esses eventos Jacó se torna um novo homem cujo nome passa a ser Israel, mas o mito da família perfeita cairá por terra novamente pois ele amará mais o seu filho José do que os demais. Porém isso é tema para um outro artigo…

Conclusão

A vida de Jacó e da sua família são um exemplo para nós em muitos sentidos. Mesmo diante da bênção de Deus os problemas podem ocorrer. Disputas internas, traições, não é por que você vive uma promessa de Divina que está imune. O lindo de tudo o que aconteceu com Jacó foi a sua transformação, de trapaceiro a chefe de família, marido dedicado, pai amoroso e preocupado com o bem dos seus filhos e sobretudo fiel a Deus.

Dinâmica proposta

Que tal praticar um pouco do que Deus nos ensinou neste artigo? Pegue uma folha de papel e escreva a mágoa que você sente por uma pessoa, grave um vídeo dizendo que nesse momento você está perdoando a ela ou então peça perdão e rasgue o papel como um símbolo de que esse sentimento que há dentro de você está sendo desfeito agora! Perdoe pois o perdão liberta! “Pois, se perdoarem as ofensas uns dos outros, o Pai celestial também perdoará vocês.” (Mateus 6:14)

Um abraço.

Fabiano Catrinck

Segue abaixo a versão em podcast:

Nesse podcast aprenderemos um pouco sobre a transformação de vida de Jacó.
Anúncios
Padrão

Um comentário sobre “Jacó – Um exemplo de mudança de vida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s